24 novembro 2021

Liderança de equipes em trabalho híbrido

Liderança de equipes em trabalho híbrido

Conceito que se fortaleceu no contexto da pandemia, o trabalho híbrido caracteriza-se por um modelo no qual os colaboradores alternam, durante a semana, entre o escritório e o home office.

Consolidado pelas mudanças de hábito decorrentes do distanciamento social, esse modo de trabalho requer atenção dos líderes para gerenciar as equipes. Saiba mais abaixo.

Cultura de confiança no trabalho híbrido

Ter uma equipe trabalhando de lugares distintos pode parecer, inicialmente, desafiador. Entretanto, para que funcione, é fundamental estimular uma cultura de confiança entre os colaboradores.

Para isso, o ideal é que a liderança se baseie em resultados, em vez de direcionar o foco para o local onde as tarefas estão sendo executadas. O objetivo é valorizar aquilo que é produzido e o desempenho dos profissionais.  

Nessa perspectiva, é válido que líderes e gestores definam claramente as expectativas a respeito de tarefas, processos, prazos e metas, para que a responsabilidade de cada um seja compreendida e gere bons resultados.

Feedbacks regulares

Como inserir no dia a dia o trabalho híbrido

A flexibilidade e o distanciamento físico característicos do trabalho híbrido requerem uma cultura de feedbacks frequente entre líderes e suas equipes. Assim, é essencial manter contato e realizar reuniões para acompanhar o andamento do time, identificar possíveis desafios ou dificuldades e monitorar resultados.

Além de fornecer uma visão ampla e aprofundada sobre a organização, esse hábito fortalece as relações de trabalho e evita que ocasionais falhas passem despercebidas. A partir disso, indicadores de desempenho (KPIs) e ferramentas tecnológicas de mensuração são ótimos para que os gestores acompanhem a produtividade da equipe no trabalho híbrido.

Tecnologia como aliada

A respeito das ferramentas tecnológicas, elas podem ser grandes aliadas para otimizar tempo e processos e encurtar distâncias. Serviços em nuvem, por exemplo, possibilitam acesso remoto e coletivo a todos os dados necessários à equipe com praticidade e segurança. Nesse contexto devem ser observados os protocolos de segurança da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Ferramentas de gestão, automação e plataformas colaborativas de gerenciamento de tarefas, por sua vez, facilitam o monitoramento de funções e projetos e proporcionam uma visão ampla e sistematizada sobre o fluxo de trabalho da empresa.

A fácil disposição dos dados, em suma, melhora a interação entre o time e beneficia a tomada de decisão com base em informações sólidas que direcionam a ação dos líderes.

As vantagens do trabalho híbrido

Comunicação no trabalho híbrido

Especialmente no modelo de trabalho híbrido, o diálogo dos gestores com suas equipes deve se basear sempre na transparência.

Dessa forma, cria-se espaço para que os colaboradores possam sanar dúvidas e dificuldades, direcionar melhor as tarefas desafiadoras e compartilhar insights e sugestões. Nesse sentido, o uso de plataformas e redes sociais corporativas é fundamental para manter o contato regular com os setores.

A comunicação clara garante ainda que o papel de cada um seja compreendido em busca dos melhores resultados. O próprio contato entre líderes e equipes pode ser híbrido, alternando encontros virtuais e presenciais conforme a necessidade.

Leia mais: Upskilling: potencialize o crescimento profissional da equipe 

Fonte: Forbes, Trello e LG lugar de gente

A SEPAC está há 43 anos no mercado, oferecendo as melhores soluções de higiene e bem-estar para o seu dia a dia. Acesse o site: www.sepac.com.br

Deixar um comentário