11 setembro 2019

Dicas para escolher as plantas para sua horta

Dicas para escolher as plantas para sua horta

Existem diversas vantagens de ter uma horta em casa, entre elas colher os alimentos fresquinhos com conforto e praticidade. Confira algumas dicas para escolher as plantas da sua horta.

Manjericão

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

O manjericão é uma erva de sabor marcante utilizada em muitos pratos da gastronomia, mas também em banhos de cheiro, para relaxar. Ele gosta de sol, se adapta a climas quentes, dispensa muitos cuidados e pode ser cultivado em locais pequenos.

Alecrim

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

O alecrim vive muito bem em climas quentes e terrenos mais arenosos. É uma planta que proporciona diversos benefícios para quem quer emagrecer e combate inflamações e gripes, bem como outras doenças. Também é um ótimo aliado na digestão.

Hortelã

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

A hortelã ajuda na digestão e reduz a irritação no cólon, além de ter ação expectorante. Outros benefícios da hortelã é que ela é rica em nutrientes e tem quantidade significativa de vitamina A, essencial para os olhos e a pele. Essa planta se adapta muito bem a diversos climas, mas necessita de sol e umidade.

Pimenta

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

A pimenta requer um espaço separado em casa, pois pode comprometer o crescimento das espécies ao seu redor. Além de combinar com pratos salgados e doces, ela faz bem para a saúde, pois atua no controle do colesterol, melhora a circulação, acelera o metabolismo e combate a diabetes.

Orégano

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

Esse tempero é muito conhecido por dar um toque especial a assados e molhos. É uma planta que se adapta muito bem a climas amenos, mas necessita sempre do sol. O orégano auxilia no tratamento da asma, evita o envelhecimento precoce, fortalece o sistema imunológico e diminui cólicas menstruais.

Salsa

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

A salsa gosta de climas amenos e aguenta bem ambientes com menos sol e um pouco de sombra. É uma erva muito utilizada na gastronomia brasileira e traz benefícios no tratamento de problemas renais, prisão de ventre e retenção de líquidos.

Alface

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

Bom para o plantio em casa, a alface necessita apenas de um vaso pequeno e bastante luz para crescer, e pode ser incluída na alimentação diária devido a seus benefícios para a saúde, como controle glicêmico no sangue. Além disso, é rica em fibras, o que confere saciedade e diminui a absorção de carboidratos no intestino. 

Cebolinha

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

Perfumada e saborosa, a cebolinha é uma planta presente na cozinha de diversas culturas há centenas de anos. Nativo da China e da Sibéria, este alimento possui diversas propriedades medicinais e melhora o sistema imunológico. A cebolinha é adaptável a quase todos os estilos de solo, sendo necessária a irrigação frequente de maneira que a terra se mantenha úmida, mas não encharcada.

Couve

Dicas para escolher as plantas - SEPAC

A couve é a hortaliça com a maior quantidade de nutrientes, como minerais do complexo B, vitaminas B-3, B-5 e B-6 e riboflavina, o que faz dela ideal para uma alimentação balanceada. A couve é prática para o consumo e plantio, podendo ser cultivada o ano todo em ambientes com alta luminosidade e colhida de folha em folha.

 Coentro

Usado tipicamente como tempero, o coentro auxilia no combate a doenças cardiovasculares e degenerativas devido a sua ação antioxidante. É uma erva que se adapta a todos os climas, tendo preferência pelos temperados. Para o cultivo, as sementes devem ser depositadas com espaçamento de 30 cm entre cada fileira e 10 cm entre si. É importante realizar a limpeza do vaso regularmente para mantê-lo livre de plantas invasoras.

 Manjerona

Embora sensível ao frio, a manjerona é comum na Europa, muito utilizada nas culinárias grega e italiana. Entre suas propriedades medicinais destacam-se a melhora de humor e do trato digestivo e o fortalecimento do sistema imunitário. Seu cultivo é mais bem desenvolvido em temperaturas altas, de preferência recebendo sol o dia inteiro, e o solo deve ser de calcário com pH levemente alcalino e sempre úmido.

 Sálvia

“Sálvia” deriva do latim “salvere” – que significa saudável –, e seu nome é bastante apropriado, pois é usada largamente na medicina popular para fins diversos. O solo para o plantio deve ser seco, arenoso e ensolarado. A erva tem um sabor refrescante e único, ideal para o tempero da carne de porco e de aves, podendo ser acrescentada no preparo de legumes, queijos e massas.

 Tomilho

O tomilho é uma erva pertencente à família da hortelã e um “parente próximo” do orégano. É usado em toda a culinária mundial e suas folhas podem ser aproveitadas secas ou frescas para temperos ou chás. O plantio dispensa especificações, tanto que na França o tomilho cresce entre as pedras, devido ao solo seco rico em calcário. Para o plantio em vasos, é importante que o recipiente tenha pelo menos 15 cm de profundidade e receba ao menos quatro horas de luz diária.

As plantas recomendadas podem ser cultivadas na própria cozinha ou em outros espaços da casa, pois se adaptam a vasos pequenos e jardineiras. Experimente!

Leia também: Plantas que ajudam a dormir melhor

A SEPAC está há 43 anos no mercado, oferecendo as melhores soluções de higiene e bem-estar para o seu dia a dia. Acesse o site: www.sepac.com.br

Deixar um comentário