27 setembro 2021

5 alimentos que melhoram as habilidades cognitivas

5 alimentos que melhoram as habilidades cognitivas

Manter uma alimentação saudável influencia diretamente no bom funcionamento do cérebro. Confira abaixo cinco alimentos que melhoram as habilidades cognitivas e proporcionam saúde e bem-estar.

Habilidades cognitivas

O abacate é um alimento rico em vitaminas B6, B12, C e E, essenciais para a saúde dos neurônios. Fonte de substâncias como colina, selênio e luteína, fundamentais ao sistema neurológico, a fruta assegura ainda, por meio das gorduras monoinsaturadas, um ótimo fluxo sanguíneo para o cérebro.

Além de aprimorar as conexões entre os neurônios da rede de atenção dorsal do cérebro, os nutrientes do abacate estimulam a concentração e o aprendizado e favorecem a blindagem da massa cinzenta.

Redução de estresse

chocolate meio amargo para melhorar habilidades cognitivas

A inclusão de chocolate na alimentação é vinculada, pela ciência, a aspectos como felicidade e bem-estar emocional. Isso devido à presença do triptofano, aminoácido que reduz o nível de cortisol, mais conhecido como hormônio do estresse.

Além disso, o cacau é fonte de flavonoides que combatem os danos do estresse oxidativo. Ao mesmo tempo, os antioxidantes produzem a serotonina, hormônio que gera a sensação de bem-estar. Recomenda-se a ingestão de 20 a 30 gramas de chocolate por dia, com teor de cacau acima de 70%.

Humor e bem-estar

Outro alimento que influencia positivamente na qualidade de vida é o peixe. Isso porque é rico em ômega-3, o que estimula a produção de células cerebrais, melhorando as habilidades cognitivas.

O consumo regular de peixes (cerca de 200 g por semana) eleva a produção de hormônios ligados ao bem-estar, como a dopamina, a noradrenalina e a serotonina. Rico em triptofanos, esse alimento também ajuda a regular o humor.

Conservação da memória

Outro alimento importante para as habilidades cognitivas é o azeite de oliva, capaz de reduzir os riscos de Alzheimer e preservar a memória.

Isso porque o azeite de oliva impede a propagação de beta-amiloides, proteínas associadas à degradação de neurônios e à interrupção das sinapses. Recomenda-se ingerir pelo menos uma colher de sopa por dia de azeite extravirgem.

Habilidades cognitivas e aprendizado

Nozes e castanhas para uma vida mais saudável

Incluir nozes e castanhas na dieta é uma forma de retardar problemas cognitivos comuns na fase do envelhecimento e manter a saúde em dia. Rico em selênio, vitamina E e gorduras que complementam a receita neuroprotetora, esse tipo de alimento estimula as habilidades cognitivas e influencia a capacidade de aprendizado e retenção de informações.

Indica-se o consumo de meia xícara de nozes e castanhas por dia, como castanha de caju, amêndoas ou castanha-do-pará.

Leia mais: 5 alimentos indispensáveis para elevar a imunidade

A SEPAC está há 43 anos no mercado, oferecendo as melhores soluções de higiene e bem-estar para o seu dia a dia. Acesse o site: www.sepac.com.br

Deixar um comentário